Wado

Biografia

Wado despontou na cena independente brasileira em 2001, quando lançou o álbum 'Manifesto da Arte Periférica' pelo selo Dubas. Sua música, que explora samba, rock, funk, afrobeat, eletrônica, entre outros gêneros, encontrou receptividade positiva por parte da crítica.

Nascido em Florianópolis em 05 de julho de 1977, Oswaldo Schlikmann Filho foi radicado em Maceió desde os oito anos de idade. Antes de seguir carreira solo, Wado foi integrante do grupo Santo Samba.

Depois de 'Manifesto da Arte Periférica', Wado lançou em 2002 'Cinema Auditivo' pelo selo Outros Discos. No ano seguinte, o cantor foi uma das atrações do TIM Festival.

Assinando Wado e Realismo Fantástico (referência a sua banda), o artista lançou em 2004 'A Farsa do Samba Nublado', também pelo selo Outros Discos.

Em 2008 saiu o quarto disco de Wado, 'Terceiro Mundo Festivo', lançado de forma independente, com download livre. No ano seguinte, ele lançou 'Atlântico Negro', álbum que saiu em CD pela Pimba Records.

Com participações de nomes como Zeca Baleiro, Curumin, Fábio Góes, Chico César, Marcelo Camelo e Mallu Magalhães, 'Samba 808', o sexto álbum de estúdio de Wado, foi disponibilizado para download gratuito em outubro de 2011. O disco foi lançado em CD somente no começo de 2012 pelo selo Pimba Records.

 Em 2013, Wado lançou 'Vazio Tropical' (seu sétimo álbum), produzido por  Marcelo Camelo.

'1977', álbum que tem o título fazendo referência ao ano de nascimento do cantor, saiu em 2015. O oitavo disco de Wado conta com participações de Lucas Silveira, do grupo Fresno, na faixa "Cadafalso", o português Samuel Úria em "Deita", a mexicana Graciela Maria na música "Galo", Marcelo Camelo em "Palavra Escondida", entre outros. No ano seguinte, o cantor lançou 'Ivete', um álbum no qual ele flerta com a axé music.

Músicas em destaque



Artistas Relacionados

Posts Relacionados




Fujiya & Miyagi