Neil Young deixa as drogas e o álcool após 40 anos

Neil Young deixou de fumar maconha e de beber álcool há cerca de um ano para se concentrar na escrita da sua autobiografia. "Usei durante 40 anos. Agora, quero ver como é não usar. É uma perspetiva diferente", confessou ao New York Times. 

"Quanto mais limpo estou, mais alerta me sinto, menos me conheço e mais difícil é reconhecer-me", escreve o músico em Waging Heavy Peace , o livro de memórias que tem publicação agendada para 11 de outubro. O músico fumava maconha diariamente, apesar de ter tido um aneurisma cerebral em 2005 e de sofrer de epilepsia. 
 
O músico canadense de 66 anos lançou "Americana" em junho passado e prepara-se para lançar um novo álbum de estúdio com os seus Crazy Horse: "Psychedelic Pill" chega às lojas no dia 29 de outubro e inclui uma canção com 28 minutos chamada "Driftin' Back".

Neil Young - Needle and the Damage Done

Comentar