Polícia divulga fotos inéditas do local da morte de Kurt Cobain

Polícia divulga fotos inéditas do local da morte de Kurt Cobain

No momento em que se aproxima o 20º aniversário da morte de Kurt Cobain, a polícia de Seattle revelou algumas fotos do local onde o músico norte-americano foi encontrado sem vida.

Ao contrário do que chegou a ser noticiado, as autoridades não decidiram reabrir o caso, apenas revelaram alguns rolos de fotografias que tinham sido arquivados. Nas imagens, veem-se agulhas, uma colher, bem como um par de óculos de sol, um maço de cigarros, uma carteira e uma toalha. Os objetos estariam espalhados no chão da divisão da casa onde Kurt Cobain foi encontrado morto.

A releitura do caso, por parte do detetive Mike Ciesynski, deveu-se ao "grande interesse por parte da mídia" na morte de Kurt Cobain, que muitos continuam a acreditar ter sido assassinado. No site da polícia de Seattle, explica-se que Ciesynski voltou a analisar o caso - incluindo os depoimentos das pessoas ouvidas então e as provas fotográficas - mas não reabriu o caso, que considera "fechado".

"Sabíamos que com o 20º aniversário [da morte] ia haver muito interesse por parte da imprensa. Sou detetive de homicídios há 20 anos e estou na unidade dos cold cases há 10 anos", explica o detetive. "Na maioria dos casos, procuro encontrar algo que não tenha sido feito em investigações passadas".

Para se preparar, Mike Ciesynski viu vários documentários e leu numerosos documentos com explicações alternativas para a morte de Kurt Cobain. "São todos muito interessantes. Consigo perceber porque é que as pessoas têm dúvidas sobre este caso, mas podemos sempre parar num certo ponto e perguntar: e se?".

A única novidade que o detetive encontrou, relacionada com este caso, foram quatro rolos de fotografias nunca revelados. Ciesynski justifica a decisão de não revelar as fotos, no momento, porque "a polícia acreditava ter sido um suicídio e já tinha polaroids e fotos [suficientes] dos médicos legistas". "Às vezes as pessoas acreditam naquilo que leem", completa ainda Ciesynski. "Acreditam na desinformção de alguns livros e que isto foi uma conspiração. É completamente falso. Foi um suicídio - é um caso fechado".

Kurt Cobain morreu no dia 05 de abril de 1994, aos 27 anos. Deixou mulher - Courtney Love - e uma filha, Frances Bean, então com 18 meses. (Blitz)

Nirvana - Come As You Are


Most Recent